Keymer Tiles – 426 anos a produzir telhas artesanalmente

TILE-06

Há quatro anos documentei os últimos meses de laboração da Keymer Tiles, em Nye Road, Burgess Hill, UK. Fundada em 1588, a fábrica produziu telhas de forma completamente artesanal durante 426 anos.

TILE-09

Consideradas de referência, as telhas aqui produzidas tiveram como destino castelos reais (a Rainha era um dos principais clientes), mansões de membros dos Rolling Stones, dos Beatles e alguns dos museus mais famosos do Reino Unido.

Descontinuada a produção a marca acabou por vir a ser comprada pela Wienerberger – de alguma forma preservando o legado da Keymer.

Em Nye Road nasceu um empreendimento imobiliário… de luxo.

As fotografias produzidas em 2014 ainda fazem parte da comunicação da (renovada) marca.

TILE-07

TILE-08

O ensaio esteve exposto na Tower of London, no relançamento da marca – exposição inaugurada pelo então Minister of State for Housing and Planning Brandon Lewis, membro do governo de David Cameron.

Um dos tipos de telha produzido pela Keymer “obrigava” a que o artesão que a produzia lhe desse fortes “palmadas” numa das fases de produção, daqui resultando o característico decalque ou imprint destas telhas.

TILE-17

Tile

 

 

Anúncios

Rui Massena, ao vivo

_9290785

Rui Massena, ao vivo – Dias do Património a Norte, Igreja Matriz de Sambade. A genialidade de Rui Massena, num concerto memorável no encerramento dos Dias do Património a Norte.

Todas as fotografias Olympus OM-D E-M1 Mark II, Olympus M.Zuiko PRO 40-150mm f2.8. ISO entre 5000 e 16000. ACR/Adobe Photoshop to taste.

(Norte2020, Portugal2020, UE, DR Cultura Norte)

Richie Campbell

_8170118

O Verão passou tão rapidamente na Chappa que só percebemos o seu declínio (!) quando esta vaga de frio nos fez lembrar a chegada do Inverno. Foi um Verão tão intenso que fomos obrigados a esquecer as redes sociais quase por completo, trabalhámos arduamente em diversos projectos em seis municípios, produzimos algumas centenas de (boas) fotografias a partir de milhares de ficheiros e gravámos horas e horas de footage em C4K e em 4K. Estamos a pós-produzir alguns dos projectos que abraçámos este Verão.

_8170702Indubitavelmente o ensaio sobre a Feira de São Mateus, edição 626, foi um dos mais estimulantes. Desde a montagem até à desmontagem seguimos os personagens e acontecimentos na rainha de todas as feiras.

_8170339

Ficam algumas fotografias de um dos concertos mais memoráveis deste ano – Richie Campbell – um dos mais difíceis de fotografar, sem dúvida, pelo “constante e frenético movimento de todos os músicos em palco”…

Todas as imagens produzidas com Olympus E-M1 Mark II e objectivas M. Zuiko PRO. ISO entre 1600 e 12000. ACR and Photoshop to taste.

John Gallo é Senior Consultant e Professional Trainer da Olympus

© Viseu Marca/Chappa 2018

 

Em São Pedro do Sul – Balneário Romano está (quase) concluído

DJI_0039

Quando há um ano iniciámos este assignment nada ali fazia grande sentido. Mato, detritos, ruínas. Um ano depois tudo mudou e a obra quase concluída deixa antever a nobreza do projecto de recuperação. Parabéns Município de São Pedro do Sul.

O Presidente dos afectos

_9010222Assim é Marcelo. Um dos momentos que corrobora a tendência afectuosa do Presidente da República, durante a visita oficial que realizou à Feira de São Mateus no dia 1 de Setembro deste ano. Apesar do calor de morte que se fazia sentir, Marcelo distribuiu carinho e simpatia com a frescura do costume. Não se deixem sugestionar pela perspectiva…

Carminho

_6090867.jpg

Concerto ao vivo – memorável. Ficam algumas fotografias de canções sentidas, cantadas com a alma que o fado – ainda que novo – exige.

Carminho encantou uma multidão enorme que, apesar da chuva e do frio, não arredou pé.

_6090962

Todas as fotografias com Olympus E-M1 Mark II, Olympus M.Zuiko Digital 40-150mm f2.8 PRO. ISO 1250 a 5000. ORF files ACR converted, Photoshop to taste.

Todas as fotografias © Município de Alfândega da Fé (Turismo de Portugal)

 

16000 ISO e 1/60s a 300mm: E-M1 Mark II. Ruído?

_6090714

Insisto, insisto, insisto: a performance da E-M1 Mark II a ISO elevado é extraordinária. Esta fotografia, de um dos elementos da Crew da Carminho, é bem prova daquilo que tenho vindo a afirmar. Não só evidencia a performance e ausência de ruído da Olympus, bem como demonstra a eficiência do estabilizador da câmara: 300mm a 1/60s…?

_6090783

A fotografia da Carminho em cima foi tirada a 16000 ISO, bem como as duas seguintes.

_6090746

_6090819

Notar que também a gama dinâmica é extraordinária; como sabemos à medida que o valor ISO aumenta a gama dinâmica reduz-se, passando de 13 ou 14 EV para sete ou oito, apenas. O processador True PIC VIII brilha, não deixando a imagem “empastelada”, sem detalhe, mas reduzindo de forma consistente o ruído gerado pelo sensor a ISO elevado.

Todas as fotografias © Município de Alfândega da Fé (Turismo de Portugal). RAW files (ORF) ACR converted, Photoshop to taste.