Porto.

Foi nestas ruas que me fiz fotógrafo, no início da década de noventa. Quase por aqui não passava gente num domingo – alguns velhotes, muito poucos turistas, os velhos edifícios da baixa gemiam num estertor de morte, fétida, anunciada. Não fotografava nas ruas do Porto há vinte anos – sim, ainda há muito por fazer,Continue a ler “Porto.”

De PEN-F a Barcelona

Feriado em Portugal, dia de trabalho em Espanha. Reunião de consultores do Olympus Professional Program na sede ibérica da marca, em Barcelona. Porque o voo era de madrugada, jantar na Taberna do Xisto em Santa Maria da Feira, dos meus amigos Fernando e Ana Paula – delicioso com sempre… Esta malta sabe como confeccionar iguariasContinue a ler “De PEN-F a Barcelona”

Mythbusters… Olympus OM-D E-M1 Mark II at ISO 20000… And fine bokeh…

M.Zuiko Digital 40-150mm f2.8 PRO @110mm (35mm equiv. 220mm). 1/80s@f2.8 ISO 20000, handheld. One of these days I was asked if I was using Olympus professionally, if Olympus was my gear on the field. “Yes” I replied. Unfortunately some minds are still full of misconceptions and prejudice, stuck in a Canikon world where size, weight,Continue a ler “Mythbusters… Olympus OM-D E-M1 Mark II at ISO 20000… And fine bokeh…”

Porto, many, many years ago… With a stunningly fast Canon EOS 1V-HS…

Porto, many, many years ago… With a stunningly fast Canon EOS 1V-HS… 10 fps… Ainda mal se falava do digital, tínhamos slides, grandes lentes e grandes câmaras… e 36 fotogramas em cada rolo… Produzida com uma Canon EOS 1V- HS… despachava um rolo de 36 fotogramas em 3,6 segundos… Review aqui, para os nostálgicos: http://stephanbednaic.com/blog/post/canon-eos-1v-hs-review/  

Metro do Porto, 15 anos depois

Estamos a produzir um ensaio e um documentário sobre uma das maiores obras de sempre realizadas em território nacional. Não, não estamos focados na obra, estamos focados na relação dos utentes com a infraestrutura, nos laços que se criam, nos momentos efémeros vividos a bordo e nas proximidades do Metro do Porto. Este é umContinue a ler “Metro do Porto, 15 anos depois”

GFX 50s First Impressions

Unlike the vast majority of texts I’ve read over the last month or so this is not an article to let you know how awesome the GFX files are when it comes to detail, dynamic range, low noise and the lot – we already know that and to be honest it is a bit silly toContinue a ler “GFX 50s First Impressions”

P3 – A festa dos cinco no menos três (da Casa da Música)

O P3 fez cinco anos e a festa foi no piso -3 da garagem da Casa da Música – festa de garagem, com cerveja artesanal Letra, Licor Beirão e Bulldog com Castello Tónica à pala, street food e música, muito boa música a ilustrar, com os Equations, Jibóia e um DJ Set do Alfredo dos Sensible Soccers.Continue a ler “P3 – A festa dos cinco no menos três (da Casa da Música)”