Reflexos de Natal

O Rossio em Viseu, Natal de 2019 Estas são imagens da época. Trabalhadas de um ângulo diferente, reflexos de uma luz efémera que em Janeiro caduca, cai, volta em Dezembro. No Rossio e nas ruas adjacentes da baixa viseense reflexo de alguns momentos de contemplação, espelhados nos objectos com memória da cidade jardim. Feliz Natal,Continue a ler “Reflexos de Natal”

Digital manipulation – What is and what isn’t

Digital manipulation – what is and what isn’t? Beyond ethics, what can we really consider as acceptable nowadays? Before we speak about manipulation let’s not forget pure and plain lies. Many photographers have been caught lying about location, context, subject manipulation on their photographs – beforehand this is about ethics, has nothing to do withContinue a ler “Digital manipulation – What is and what isn’t”

Fisheye frenzy!

Voltaram a estar na moda, as velhinhas fisheye. Vulgarizadas nos anos sessenta, quem não se lembra da mais famosa de todas, a Nikon 6mm f2.8 Fisheye, a última das quais vendida por €150000,00 (não, não é erro, cento e cinquenta mil Euros) no Reino Unido. Apenas algumas foram produzidas e apenas por encomenda… Hoje emContinue a ler “Fisheye frenzy!”

ISO 12800? Kodak T-Max P3200…

ISO 12800? Que saudade dos tempos em que o Kodak T-Max P3200 era o epítome de sensibilidade elevada em fotografia (a preto e branco, que a cores nada de tão extremo existia). O maestro do Projecto Bios, uma parceria entre o Museu do Douro e a Fundação EDP, num dos ensaios em Alfândega da Fé,Continue a ler “ISO 12800? Kodak T-Max P3200…”